Caixa Tem assegura pagamento mensal de R$ 600 via PIX para cidadãos brasileiros maiores de 18 anos.


O aplicativo Caixa Tem desempenha um papel crucial na organização dos pagamentos do Bolsa Família, oferecendo previsibilidade aos beneficiários através de um PIX mensal de R$ 600 aos brasileiros +18 anos.

Com um calendário detalhado estabelecido pelo Ministério do Desenvolvimento Social em conjunto com a Caixa Econômica Federal (CEF), as famílias podem planejar suas finanças de forma mais eficaz através do .

O Bolsa Família mantém seu , proporcionando suporte econômico às famílias em vulnerabilidade social. A regularidade e segurança do calendário de pagamentos ajudam os beneficiários a gerenciar suas despesas com maior tranquilidade.

Enquanto isso, o aplicativo Caixa Tem desempenha um papel central na organização dos pagamentos do Bolsa Família. Para garantir que nenhum beneficiário perca as datas de pagamento, é fundamental acompanhar o calendário disponibilizado publicamente, acessível através de diversos canais, como o site oficial da Caixa Econômica e o próprio Caixa Tem.

Essa transparência facilita o planejamento financeiro das famílias cadastradas. O calendário de pagamento do segue um modelo baseado no último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do titular.

Os próximos depósitos estão previstos para acontecer no dia 17 de junho e se estenderão até o final do mês, seguindo a sequência numérica do NIS. Além de representar um suporte financeiro, o PIX mensal de R$ 600 permite que muitas famílias mantenham suas contas em dia e garantam o sustento básico.

Esse reforço no orçamento é um passo significativo na direção certa, mostrando o compromisso do governo em apoiar aqueles que mais precisam, especialmente em tempos de incerteza econômica. Continue acompanhando para verificar o calendário de pagamentos do . Enquanto isso, , eu te ensino o passo a passo de inscrição neste famoso programa social viabilizado pelo Caixa Tem. Confira!

Calendário do PIX mensal de R$ 600 no Caixa Tem

  • NIS final 1: 17 de junho;
  • NIS final 2: 18 de junho;
  • NIS final 3: 19 de junho;
  • NIS final 4: 20 de junho;
  • NIS final 5: 21 de junho;
  • NIS final 6: 24 de junho;
  • NIS final 7: 25 de junho;
  • NIS final 8: 26 de junho;
  • NIS final 9: 27 de junho;
  • NIS final 0: 28 de junho.

Regras do PIX mensal de R$ 600 no Caixa Tem

As famílias devem cumprir compromissos nas áreas de saúde e de educação. São elas:

Enviar pelo WhatsApp compartilhe no WhatsApp

  • Realização do acompanhamento pré-natal;
  • Acompanhamento do calendário nacional de vacinação;
  • Realização do acompanhamento do estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
  • Frequência escolar mínima de 60% para as crianças de 4 a 5 anos, e de 75% para os beneficiários de 6 a 18 anos incompletos que não tenham concluído a educação básica;
  • A família deve sempre manter atualizado o Cadastro Único (pelos menos, a cada 24 meses).

Quem pode receber o PIX mensal de R$ 600 no Caixa Tem?

Tem direito toda família com renda mensal de até R$ 218 por pessoa. Isso significa que a renda somada de todos os integrantes da família dividida pelo número de pessoas deve ser menor que R$ 218. Considere o exemplo de uma mãe que cria sozinha três filhos pequenos. Trabalhando como diarista, ela ganha R$ 800 por mês. Como os filhos não trabalham, esses R$ 800 são a única renda da família. Dividindo R$ 800 (renda total) por quatro (número de pessoas na família), o resultado é R$ 200. Como R$ 200 é menor que R$ 218, essa mãe e seus três filhos têm direito a receber o Bolsa Família.


Bônus agregados ao PIX mensal de R$ 600 no Caixa Tem

Até que novos valores sejam definidos, o Governo Federal mantém a composição atual para o Bolsa Família da seguinte forma:

  • Benefício de Renda de Cidadania (BRC): R$ 142 por pessoa da família.
  • Benefício Complementar (BCO): Garante que todas as famílias beneficiadas recebam, no mínimo, R$ 600.Benefício
  • Extraordinário de Transição (BET): Garante que todos os beneficiários não recebam valores menores do que recebiam no programa anterior, o Auxílio Brasil. O pagamento está confirmado até maio de 2025.
  • Benefício Primeira Infância (BPI): R$ 150 a mais por criança de zero a sete anos incompletos.
  • Benefício Variável Familiar (BVF): R$ 50 pagos a mais para gestantes e crianças/adolescentes de 7 a 18 anos incompletos.
  • Benefício Variável Familiar Nutriz (BVN): R$ 50 pagos para cada membro da família com até sete meses incompletos (nutriz), com início das transferências em setembro.

📂 Notícias